Pular para o conteúdo

ANIVERSÁRIO RÁDIO CIDADE: Confira entrevista com a banda Só Parênt

Escrito por


O Forreggae de Juiz de Fora

Na próxima sexta-feira, 23 de novembro, a Rádio Cidade sopra as velinhas do bolo e comemora 27 anos cheios de música. E já pode preparar uma roupa bacana e ir curtir a festa no Cultural Bar. Quatro bandas de Juiz de Fora te esperam nessa noite. Mallibu, Muamba, ETC e Só Parênt marcam essa nova primavera.

Para você conhecer um pouquinho de cada banda, conversamos com elas, em uma série de entrevistas. Você já conferiu a entrevista com a banda Mallibu e Muamba. Hoje quem chega por aqui é a banda Só Parênt.

Entrevista com a banda Só Parênt

 

Com quase 15 anos de carreira, as músicas da banda sempre rolam na Rádio Cidade. Como a Rádio Cidade está presente na história da banda?

Estamos na casa dos 35 anos de idade, o que nos aproxima da história da Rádio em nossa cidade. Sempre acompanhamos a programação desde a época do “Cidade dá de 10”, da época do Biquíni Cavadão cantando “Vento Ventania”, Engenheiros do Hawaii cantando “O Papa é Pop”, e a gente ligava para pedir música. Sempre ouvimos os artistas locais na programação e acompanhávamos os grandes lançamentos internacionais de forma atualizada na Rádio Cidade e isso sempre nos inspirou a melhorar para um dia ter nossa música tocada ali também.

 

As músicas vão de forró ao reggae. Como é feita essa mescla de estilo, agregada ao DNA mineiro?

O Brasil é um país tão rico culturalmente falando que a música aqui se mistura meio que involuntariamente, basta juntar um grupo de amigos com instrumentos musicais que logo nasce uma ideia de banda com inúmeros diferenciais e estilos. Com a gente foi assim também, não tínhamos muito definido o que queríamos enquanto estilo, queríamos cantar e tocar e, ao fazermos isso, as pessoas começavam a dançar. Parecia forró mas não era, parecia reggae mas também não era. Era o que então? Estudantes mineiros com alguma habilidade musical tocando meio forró meio reggae. Forreggae até então tem sido a melhor definição pra nossa mistura.

 

O clipe da música “Ilha Grande” é uma obra de arte. Como foi a produção para esse clipe?

Obrigado pelo elogio! Realmente o clipe ficou maravilhoso. O lugar é muito inspirador pela e por natureza, o que ajuda muito num resultado bonito, mesmo com orçamento curto. A ideia era realizarmos em imagens as sensações que dão ao escutar a música estando na ilha. É ver o clipe e logo vem aquela vontade de pegar a mochila e ir pra lá viver um pouco mais tudo aquilo. Três dias foram mais do que suficientes pra filmar aquele tanto de belezas naturais. Fomos abençoados com dias bonitos e pessoas legais pra ajudar.

 

Como foi dividir o microfone com o Fernando Anitelli, d’O Teatro Mágico?

O Teatro Mágico é um projeto artístico referência no Brasil. Misturar circo, música e poesia é fantástico de grandioso e até necessário para ampliar a visão que temos sobre show e espetáculo. O Fernando Anitelli é pioneiro em distribuir conteúdo nas plataformas digitais de forma independente. O pai dele foi o anjo que nos aproximou e com isso nossa amizade teve solo fértil pra florir. Mundo interior é uma música que fizemos em reflexão aos momentos de transformações que o ser humano passa ao longo da vida evolutiva. Era e foi a canção perfeita para ter ele com a gente cantando e passando essa mensagem de superação repleta de amizade e valorização da vida.

 

Vocês passaram também por diversos países da Europa. Como foi essa experiência e qual aprendizado vocês tiraram disso?

Atravessar o oceano para tocar é um desafio pra qualquer músico. Desde a venda do show, passando pelo transporte, língua, moeda, choque de cultura e o show propriamente dito. Conseguimos romper essas barreiras naturais nos anos de 2013 e 2014 de forma independente e, graças a Deus, o público de lá nos apoiou muito, desde Portugal, Rússia, Holanda, Alemanha, França até a linda Noruega. Foi lindo ver o respeito não só com nosso trabalho mas com a música brasileira num modo geral. Os convites e a vontade de voltar batem a nossa porta até hoje. Assim que lançarmos nosso novo material com certeza queremos apresentar pros nossos “parênts” do velho mundo.

 

Na música “Chineses”, o Tato do Falamansa, faz uma participação. Conta mais sobre a música e a participação do cantor, que é um dos grandes nomes do forró.

“Chineses” é um exemplo dos presentes que a tour pela Europa nos deu. Fomos surpreendidos com esta canção num festival que tocamos na região de Algarve, Portugal. Na ocasião fomos apresentados ao compositor que logo nos disse achar a música a cara do Só Parênt. Claro que concordamos tanto que acreditamos que ela resume bem a fase atual da nossa banda sendo a música quase que principal do álbum que estamos trabalhando. A participação do Tato pintou por conta de uma aproximação que já tínhamos com ele de trabalhos anteriores. A simplicidade da letra, a melodia gostosa e a bela mensagem da “Chineses” nos lembrou muito Falamansa. Daí para frente foi um encontro que deveria realmente acontecer e, graças aos bons espíritos da música, a participação dele ficou linda.

 

Ano que vem a banda completa 15 anos. Vai ter alguma comemoração especial?

Pois é! Estamos chegando perto de completar o ciclo deste número grande, mas que pra nós ainda é muito pouco, perto do que queremos escrever para música da nossa cidade. É tão bonito ver que um grupo de arte se mantém unido e vivo a tanto tempo. Merece comemoração e vai ter, merece música nova e vai ter, merece releituras e vai ter, merece registro ao vivo e vai ter, vai ter muito trabalho, se Seus quiser!

 

Pra galera que vai no Aniversário da Rádio Cidade, o que eles podem esperar no repertório da banda?

Estamos muito contentes de participar dessa comemoração e vamos subir pro Cultural com toda essa alegria em forma de música e dança, com um repertório cheio de forró, reggae e amigos.

 

Aniversário da Rádio Cidade

Muita animação, música boa e os melhores ouvintes vão estar presentes nessa grande festa. Não vai perder:

Local: Cultural Bar

Data: 23/11/2018

Atrações: ETC, Mallibu, Muamba, Só Parênt

Horário: 22h

Pontos de venda: Kika Colorida (Rua Halfeld, 799) e Rádio Cidade (Av. Rio Branco, 5208).

Fique ligado na página do Facebook, Instagram e na programação da 100,01 para concorrer a ingressos para essa festa!

 

Esta matéria é um oferecimento da Antuérpia um dos patrocinadores do Aniversário da Rádio Cidade!

 

Por: Ana Clara Turchetti